Umumbigo


essencial
Abril 14, 2013, 9:42 pm
Filed under: de ler | Etiquetas: , ,

“Mas nascemos para ouvir contar histórias, tudo o resto são profissões.”



o canteiro mais civilizado
Abril 14, 2013, 11:31 am
Filed under: de ler | Etiquetas: ,

25

Terra!, alguém acabou de a anunciar, ouviu Bloom.
É uma coisa que do ar parece rara, porém a terra é
[suficiente
para cobrir todos os homens depois de qualquer massacre;
por mais extenso que este seja.
Sobram sempre metros quadrados e erva, flores
e o respetivo cheiro. Em matéria pura, medível,
os homens, todos juntos, não fazem uma ilha.
das pequenas.

26

Mas, apesar disso, o homem considera-se
importante – a espécie com o ofício de jardineiro.
Contudo, o planeta não é o jardim do homem criativo,
nem do cientista fundamental, nem do general corajoso;
a espécie humana, sim, é um dos jardins do planeta,
o canteiro mais civilizado, é certo. Mas pouco mais.

Uma Viagem  à Índia, Gonçalo M. Tavares



ali
Abril 12, 2013, 10:07 pm
Filed under: nostalgias

XXIII

Havia uma rola insistente.  Insistia com regozijo em fazer ouvir-se. Com um uh uh, uh uh alto, muito alto. Ali Clementina não se poderia concentrar no que de tão importante tinha a dizer. Olhou a rola com ar feroz e pediu-lhe silêncio, enquanto aproximou-se de Luís, sentado na orla da fonte.

– Olá.

– Já por aqui?

– Nunca mais te quero amar para sempre.

– Uh uh, uh uh – ouviu-se a rola insistir, enquanto Luís piscou os olhos.

Clementina despediu-se a sorrir, com um beijo rápido, melodramático até, impregnado de despedida final sem retorno, sem remédio, sem volta possível – isto termina aqui, assim, adeus – para voltar daí a umas horas àquele mesmo ponto de insistente chegada. Nunca de partida.