Umumbigo


Caça-tempestades
Fevereiro 19, 2014, 10:32 pm
Filed under: impressões

Vou caçar uma tempestade

Fechá-la num frasco redondo

Cultivar nela a ansiedade

De não poder partir com estrondo

 

Vou caçar uma tempestade

Oferecer-ta pelo amor

Abraçar-te com agilidade

Antecipando o teu sabor

 

Vou caçar uma tempestade

Pra revolver esses cabelos

Contrariar a ambiguidade

De admirar corpos modelos

 

Vou caçar uma tempestade

Quero uma das mais violentas

Que traga vento e bondade

Da ternura dos quarentas

 

Vou caçar uma tempestade

Desatar os nossos pés certos

Pra amar com assiduidade

E abrirmos olhos libertos

 

Vou caçar uma tempestade

Inverter toda a retidão

Beijar-te com habilidade

Vestir-me de furacão

 

Vou caçar uma tempestade

Armar-me em super-herói

Brincar com a arbitrariedade

Que da vida se constrói

 

Já cacei uma tempestade

Era cor de coração

E ouço-te com autenticidade

Chamar-me de campeão

 

(fevereiro de 2014)

Anúncios

Deixe um Comentário so far
Deixe um comentário



Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: