Umumbigo


universal
Março 28, 2014, 2:40 pm
Filed under: nostalgias

CXIX

Porque não sabia ler, o mendigo pediu a Bianca que passava ligeira, a contemplar, para lhe dizer o que estava escrito nas costas da sua própria camisola, em letras azuis.

– Amar é dar aos outros.
– Diz isso assim mesmo?
– Sim, noutra língua. É isso como se diz noutra parte do mundo.
– Mas não falam o que falamos?
– Nem todos.
O mendigo riu-se muito, e já sério perguntou – Como podemos perceber os outros alguma vez. Como podem eles perceber os de cá?
– Eu acho que nem tudo são palavras. Acredito que até podíamos viver sem elas, expressando só gestos corporais. São universais. E, claro, temos a música – sorriu Bianca. – Vou trazer-te uma viola amanhã. Vais gostar.
– Não sei nada de música.
– Vou ensinar-te.

Anúncios

Deixe um Comentário so far
Deixe um comentário



Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: