Umumbigo


ladrar
Maio 2, 2014, 1:49 pm
Filed under: nostalgias

CLV

O silêncio corta o ar depois de um ladrar ininterrupto como que um aviso, uma ameaça, um grito de que o silêncio sozinho logo pode ser cortado antes que ele próprio corte o ladrar infernal. Numa dança a dois.

Voltamos ao silêncio e nele se embrulha Bianca, perguntando quem soltou os cães ou quem os prendeu, de onde vêm. Na casa ao lado havia apenas música nas escadas, por quê agora cães?

Mudaram-se as pessoas da casa? Mudou-se a casa de pessoas?

Os cães adormeceram. Bianca está muito desperta.

Anúncios

Deixe um Comentário so far
Deixe um comentário



Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: