Umumbigo


mulher
Agosto 7, 2014, 9:28 pm
Filed under: nostalgias

CCXXI

O mar é uma mulher. Vem na sua direção, tudo azul e luz, não ouve nada mais para além do rebentar das ondas. Brilham intensamente, pequeninos pontos de diamantes multiplicados por tantos. O mar é um tesouro. Vê o recorte dela contra a linha de água e a adivinhação do que vem dizendo: ondas, ondas, ondas. Percebem-se gestos de mãos, quase define os lábios, um rasgo de sorriso, parece uma gargalhada que sobe até ao céu claro. Na areia molhada o recorte corre até si. O mar é uma mulher e Violeta é o mar.

Anúncios

Deixe um Comentário so far
Deixe um comentário



Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: