Umumbigo


dente
Fevereiro 29, 2016, 3:17 pm
Filed under: citações, de ler

“Enquanto aguardamos a extração de um dente, mergulhamos muitas vezes na esquematização de um novo livro; fervilhamos de ideias. Depois vem a tortura, o livro é expurgado do consciente; passam-se dias em que a coisa mais brilhante que conseguimos fazer é enfiar a língua numa pequena cavidade da gengiva, que no entanto nos parece enorme. Por fim, também isso acaba por ser esquecido, e voltamos ao trabalho, e talvez se comece um novo livro, mas não como planeado febrilmente na cauterizada sala de espera. E depois, numa noite em que damos voltas e mais voltas na cama, importunados por enxames de pensamentos irrisórios, subitamente a constelação do dente perdido inunda o horizonte e voltamos a Tebas, antiga Tebas da nossa infância da qual brotaram todos os romances, e vemos finalmente gravado numa tabuinha de pedra o plano da grande obra da nossa vida – é o livro que sempre se quis escrever, mas que de manhã já foi esquecido, e é assim que esquece Tebas, e Deus, e todo o significado da vida, e a nossa própria identidade e as identidades do passado, e por isso adoramos Picasso, que ficou acordado toda a noite e não extraiu o seu dente cariado.”

O colosso de Maroussi, Henry Miller

Anúncios

Deixe um Comentário so far
Deixe um comentário



Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: